domingo, 16 de março de 2014

Cristologia

 

 

 

Jesus e Miguel são a mesma pessoa na Bíblia? 

Olá amigos do blog AI GRAPHAI, é com imensa alegria que volto a postar e atualizar o nosso blog, espero que vocês tenham gostado das mudanças. Minha primeira postagem do ano é sobre uma possível deidade de Miguel defendida por Adventistas do Sétimo Dia e por Testemunhas de Jeová.
Por incrível que pareça, algumas seitas pseudo cristãs defendem essa teoria, e alguns dias atrás pude presenciar isto em um programa de TV onde um certo "consultor bíblico" defendia essa ideia no mínimo absurda. 
Eu digo absurda, pois mistura o criador e a criatura, e isso é biblicamente inviável. Como pode Miguel ser Jesus se a Bíblia diz que Jesus criou os anjos e as potestades? "pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele. Ele é antes de todas as coisas. Nele, tudo subsiste." (Cl 1.16,17).
Procurarei mostrar de forma bem simples os motivos ou evidências bíblicas do porquê essa é uma doutrina herética e perigosa, senão, vejamos:
A Bíblia estabelece uma imensa diferença entre Jesus, que é Deus e Miguel, que é criatura:
1- Miguel é anjo (Cl 1.16), Jesus é Deus (Jo 1.1; 20.28);
2- Miguel é criatura (Cl 1.16), Jesus é o criador (Jo 1.3);
3- Miguel como é um anjo, não pode ser adorado ( Ap. 22.8,9), Jesus, é adorado pelos anjos (Hb 1.6);
4- Miguel, é o guarda e advogado de Israel (Dn 12.1), Jesus, é o advogado de todos os que o procuram (1 Jo 2.1,2);
5- Miguel não é juiz, nem tem poder sobre o diabo (Judas 9), Jesus, é juiz de todos (At 10.42, 17.31).
A Bíblia é muito clara quanto a esse assunto, Jesus é Deus! não é uma criatura e Miguel, por mais poderoso que seja, não pode ser comparado a Jesus, isso é uma blasfêmia muito perigosa que pode destruir para sempre a vida dos incautos, que sem o conhecimento verdadeiro das escrituras, acabam por distorce-las e como resultado entram em condenação e levam juntamente com eles a muitos, que desavisados ou descompromissados com a palavra, são vítimas perfeitas para os adeptos de seitas sabatistas e jeovistas (2 Pe 2.1-3).
Espero que este pequeno post possa ter lhe ajudado a se defender dessa heresia horrível e destruidora. Desejo a todo um grande abraço. 
Na paz e no amor de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
Pr. Igor de Moura Cogoy

Nenhum comentário: